• Enviar por e-mail

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) lançou, na última sexta-feira (7/2), o Edital para o processo seletivo para o Curso de Mestrado Profissional em Administração, específico para servidores do Tribunal de Contas de Santa Catarina.

Serão três vagas destinadas a candidatos que possuírem diploma registrado de curso superior de graduação reconhecido, tiverem cargo efetivo no TCE/SC e atenderem os requisitos que constam no Programa de Capacitação do órgão de controle, de acordo com as normas da Resolução TC 10/2004.

“Com este incremento na geração de conhecimento, reforçamos o compromisso com a excelência do trabalho do nosso corpo técnico e com a melhoria do controle externo”, destaca o presidente do Tribunal, conselheiro Adircélio de Moraes Ferreira Júnior.

          As inscrições poderão ser feitas de 16 de março até 14 de abril, apenas pelo endereço eletrônico www.labtic.udesc.br/processoseletivo. A taxa de inscrição, no valor de R$70,00, deverá ser paga por meio de boleto bancário gerado pelo sistema online de inscrição.

               De acordo com o Edital, as vagas serão distribuídas nas áreas de especialidades dos grupos de pesquisa de Políticas públicas e desenvolvimento; Estado, democracia, relações de poder e sustentabilidade; Ensino de administração e aprendizagem organizacional; Organizações e tecnologias de gestão em organizações intensivas em TICs; Inovação social, sociedade civil, Democracia e sustentabilidade; Coprodução do bem público e finanças públicas; Organizações, organizações e sustentabilidade e inovação social; Indivíduos, grupos e organizações; Estratégia e inovação (Saiba mais).

          Segundo o Edital, a seleção dos candidatos será vinculada à área de especialidade escolhida pelo candidato no ato de inscrição, não podendo ser alterada posteriormente. A seleção será realizada em três etapas: prova escrita; análise da proposta de pesquisa e resultado do teste do Anpad; e prova oral e avaliação de currículo lattes. Candidatos que ainda não fizeram o teste do Anpad têm até esta segunda-feira (10/2) para se inscrever na versão Orientação Acadêmica. Inscrição no Teste Anpad – Orientação Acadêmica.

          O semestre letivo iniciará a partir do dia 5 de agosto de 2020 e as aulas serão ministradas nas dependências da Esag/Udesc.  O resultado da homologação das inscrições será publicado no dia 22 de abril, a partir das 14h, no endereço eletrônico da Secretaria de Pós-Graduação da ESAG.

         

 

Saiba mais: áreas de especialidades

Políticas Públicas e Desenvolvimento: ciclo, atores, análise descritiva, prescritiva, racionalista e argumentativa de políticas públicas. Análise de casos práticos de políticas públicas

Estado, Democracia, Relações de Poder e Sustentabilidade: mudanças e transformações nas organizações públicas, privadas e na sociedade. Desenvolvimento sustentável, relações de poder, práticas emancipatórias e democracia

Ensino de administração e aprendizagem organizacional: diagnóstico, análise, avaliação e proposições em relação a: a) Ensino de Administração; b) Processos de aprendizagem no ensino; c) Processos de aprendizagem em organizações; d) Processos de mudança nas organizações e; e) Gestão de Instituições de Ensino de quaisquer níveis e natureza.

Organizações e tecnologias de gestão em organizações intensivas em TICs: utilização de abordagem multidisciplinar para aplicar TICs (bigdata analytics, crowdsensing, computação ubiqua, internet das coisas, ecommerce, m-commerce) na gestão das organizações modernas e em cidades inteligentes. Competitividade de empreendimentos inovadores utilizando bigdata e coleta e análise de dados de forma cooperada e colaborativa para o entendimento de problemas urbanos. Estatística multivariada e teoria da resposta ao item aplicada a bigdata, ecommerce e m-commerce. Aplicação de métodos e técnicas da engenharia e gestão do conhecimento em projetos de transformação digital.

Inovação social, Sociedade Civil, Democracia e Sustentabilidade: compreende estudos sobre experimentações democráticas, governança pública e desenvolvimento territorial sustentável. Envolve pesquisas sobre os ecossistemas e as experiências de inovação social, os laboratórios vivos de inovação social e as práticas para a educação política e democrática nas cidades. Focaliza as ações coletivas promovidas pelos atores da sociedade civil e da economia social e solidária, tanto no meio urbano quanto rural, e na sua interface com o Estado e com as políticas públicas, com ênfase nos processos de participação e seus efeitos. Inclui também estudos epistemológicos ou sociológicos sobre as práticas e/ou sobre a produção de conhecimento no campo de públicas no Brasil.

Coprodução do Bem Público e Finanças Públicas: Accountability e suas relações e interações com a coprodução do bem público, com a inovação no serviço público; com a governança pública; com sistemas e processos de controle. Controle institucional, finanças públicas e gestão de custos e suas relações com a accountability e a coprodução do bem público.

Organizações, Organizações e Sustentabilidade e Inovação Social: estudos contemporâneos sobre organizações e seus desafios; empreendimentos sociais; estratégias e práticas organizacionais voltadas à sustentabilidade e à inovação social; organizações e sua relação com o ambiente institucional e os ecossistemas de inovação social.

Indivíduos, grupos e organizações: estudos sobre os fenômenos relacionais, desenvolvimento humano e a subjetividade na gestão.

Estratégia e inovação: estratégia, inovação e conhecimento em organizações. Capacidades dinâmicas: absortivas, inovativas e adaptativas. Startups: gestão, incubação e aceleração. Relações universidade-empresa. Sistemas de inovação: cultura e estratégias de cooperação. Gestão, estratégia e inovação em produtos e serviços.

Fonte: Edital Esag Nº 003/2020.

 

Acompanhe o TCE/SC:

www.tce.sc.gov.brNotíciasRádio TCE/SC

Twitter: @TCE_SC

Youtube: Tribunal de Contas SC

WhatsApp: (48) 99113-2308

Instagram: @tce_sc

 

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula